Para alguns artistas, não há nada como rabiscar um papel com lápis para se criar um desenho. Dependendo do projeto, talvez você também precise saber como transformar desenhos em arte digital. Ainda bem que há formas de digitalizar um desenho mantendo a qualidade do seu esboço. Providenciamos abaixo um tutorial passo a passo que explica como digitalizar um desenho no Photoshop e no Illustrator, como também sugere opções de software, caso não tenha esses programas. 

rabisco
Esta imagem digital feita pela aluna da Skillshare, Carmen Corrales, começou com um simples esboço. 

Como transformar um esboço em uma imagem digital em 5 passos

Passo 1: esboçar para conseguir um bom resultado

Antes mesmo de começar a digitalizar o seu esboço, conheça algumas dicas úteis que vão facilitar ainda mais o processo. Por exemplo, é melhor contornar o seu esboço com tinta para criar linhas claras e pretas que serão mais fáceis de digitalizar. 

Além disso, veja bem se você está satisfeito com o esboço do seu desenho. Apesar de poder fazer pequenos ajustes na ilustração quando ela estiver em formato digital, você provavelmente não fará grandes alterações, portanto, o esboço em si já deve estar em condições adequadas. 

Passo 2: digitalizar o desenho 

O primeiro passo para aprender a digitalizar um desenho começa com a digitalização. Você pode fazer isto usando um escâner tradicional, digitalizando por no mínimo 300 pontos por polegada (DPI). Se acaso não tiver um escâner, você pode usar um smartphone para tirar uma foto do seu desenho. 

Seja qual for o método que você usar, salve a imagem com a qualidade mais alta possível e envie-a por e-mail ou AirDrop para você mesmo. Em seguida, abra a imagem no software que preferir, como o Adobe Photoshop ou o Illustrator. Neste momento, é ideal duplicar uma cópia para trabalhar com ela. Assim, você sempre pode acessar a original, caso precise usá-la a qualquer momento. 

tire uma foto da sua imagem em vez de digitalizá-la
Se você não tiver um escâner, basta tirar uma foto do seu desenho com um smartphone e enviá-lo para si mesmo. 

Passo 3: limpar o desenho digitalizado 

Ao analisar a cópia digitalizada do desenho, é bem provável que note algumas imperfeições como, por exemplo, manchas ou um fundo esbranquiçado. O próximo passo é usar o software para limpar a imagem. Por exemplo, no Photoshop, você pode usar a ferramenta Níveis para clarear o fundo (para deixá-lo branco puro, em vez de esbranquiçado), como também aumentar o preto para escurecer suas linhas. Ao realçar o contraste desse jeito, você também remove muitos borrões indesejados e deixa seu esboço mais nítido, e limpo. 

Em seguida, use a ferramenta borracha para remover quaisquer outros borrões restantes. Você também pode usar a ferramenta pincel para limpar ou preencher quaisquer linhas que precisem ser corrigidas. Por exemplo, se houver uma área que deva ser preta sólida, mas que no momento, tenha algum branco entre os traçados, você pode usar o pincel para preencher completamente esse espaço. 

Você não precisa necessariamente deixar o desenho perfeito (e disfarçar que ele foi desenhado à mão), mas se retocar a imagem, você terá um produto final mais limpo. 

limpe sua imagem
Os olhos neste desenho devem ser pretos sólidos, daí, você pode usar a ferramenta pincel no Adobe Photoshop para preencher completamente o espaço. 

Passo 4: vetorizar a imagem

Se você ampliar seu desenho, provavelmente notará alguma pixelização, onde suas linhas são imperfeitas e irregulares. Ao vetorizar uma imagem, você converte essa imagem baseada em pixels em formas geométricas definidas. 

Você pode fazer isso no Illustrator usando um recurso chamado Traço em tempo real, localizado no painel de controle. Depois de aplicar isso ao seu desenho, você verá que a maioria das linhas está agora suave e nítida. Ainda dá para ver algumas pequenas irregularidades (que você pode corrigir usando a ferramenta pincel), mas nada como a pixelização original do seu desenho. 

converta-a em vetor
Antes de vetorizar essa imagem, você pode ver a pixelização nas linhas do desenho. Depois de convertê-la em vetor, as linhas ficarão suaves e nítidas. 

Passo 5: adicionar cores 

Se pretende adicionar cores à sua ilustração, agora é a sua chance. A maneira mais fácil de fazer isso é usando o recurso Pintura em tempo real no Illustrator. Selecione a imagem e em seguida, Pintura em tempo real. Isso mudará a sua imagem estática em uma ilustração que você pode “pintar”, ou seja, preencher formas com cor.  

A partir daqui, basta escolher uma cor e depois clicar na forma que gostaria de preencher com essa cor. Quando terminar de adicionar cores ao seu desenho, clique na imagem e selecione Expandir na barra de ferramentas. Isso desativará o recurso Pintura em tempo real e converterá seu desenho de volta em uma imagem estática. 

preencha suas formas com cores
Enquanto sua imagem estiver no modo Pintura em tempo real, você pode selecionar formas da sua imagem e preenchê-las instantaneamente com cores. 

Como digitalizar um desenho com um iPhone

Conforme foi mencionado anteriormente, se você não tiver um escâner, também poderá digitalizar um desenho usando um iPhone. 

Para começar, abra a câmera e tire uma foto do desenho. Tente ficar o mais próximo possível do desenho, enquanto ainda captura todo o esboço na tela. Se você estiver capturando vários desenhos diferentes ou tirando várias fotos, tente manter o celular na mesma distância de cada desenho. Isso ajuda a garantir que todas as linhas tenham pesos semelhantes. 

Se você não tiver um escâner, basta tirar uma foto do desenho com o seu smartphone.
Se você não tiver um escâner, basta tirar uma foto do desenho com o seu smartphone.

Você também tem a opção de usar um aplicativo de edição de fotos, que pode oferecer opções adicionais para preparar sua arte. Você pode usar o Afterlight, por exemplo, para dessaturar a imagem e aumentar o contraste, e o brilho, esses mesmos ajustes que você teria que fazer depois no processo do Photoshop. A partir disso, envie a imagem por e-mail ou AirDrop para você mesmo e siga os passos 3 a 5 acima. 

Mantenha o encanto do desenho à mão

Digitalização de desenhos estilosos feitos à mão com Dylan Mierzwinski

O que usar se você não tiver o Adobe Photoshop ou o Illustrator 

Quer aprender a fazer arte digital, mas não tem o Photoshop nem o Illustrator? Embora essas ferramentas sejam as mais usadas para digitalizar artes, elas não são as únicas opções. Confira estas três alternativas ao Photoshop e ao Illustrator para aprender a digitalizar um esboço. 

Três alternativas para usar

1. Inkscape 

O Inkscape é um software gratuito usado para fazer rabiscos e esboços, convertendo-os em gráficos vetoriais. Ele está disponível para download nos sistemas operacionais Windows, Mac OS e Linux.

GIMP 

2. O GIMP, ou programa de manipulação de imagens GNU, é outra opção gratuita de edição de imagens. Como o GIMP é um programa de código aberto, qualquer pessoa, inclusive você, pode fazer alterações e distribuí-las para outras pessoas. Ele está disponível nos sistemas operacionais Windows, Mac e Linux. 

3. CorelDRAW

O CorelDRAW é uma alternativa ao Adobe Illustrator e ao Photoshop fácil de usar e intuitiva, que oferece uma maneira simples de transformar esboços em arte digital. Embora o CorelDRAW não seja gratuito, você pode aproveitar um período de teste grátis antes de resolver comprá-lo. 

Ao aprender a digitalizar um esboço, você pode preservar a qualidade desenhada à mão da sua arte para sempre. Além de oferecer mais opções para criar estampas e outros projetos, como camisetas, adesivos e muito mais. Com esse processo, você pode transformar até mesmo um rabisco simples em uma obra de arte digital. 

Um guia passo a passo para digitalizar seus esboços

Ilustração digital: de doodles a designs com Jon Burgerman